Capa blog conheça o arduino pro micro

Conheça o Arduino Pro Micro Deixe um comentário

Acessível para engenheiros, desenvolvedores, estudantes, empresas e makers, o Arduino é uma placa constituída por um microcontrolador da família Atmel AVR, e pode ser divido em tipos de placas distintos: Arduino Uno, Arduino Mega, Arduino Pro Micro, entre outros.  

Além do microcontrolador, a placa possui entradas e saídas e pode ser facilmente conectada a um computador através de um cabo USB. O melhor de tudo é que depois de programado, o Arduino pode ser utilizado de forma independente, sem computador.

Neste post vamos falar sobre o Arduino Pro Micro, a diferença entre ele e o Arduino Leonardo, além de mostrar qual Arduino é ideal para você comprar.

Arduino Leonardo Pro Micro

O Arduino Leonardo Pro Micro é uma placa com o microcontrolador ATMega32U4 e comunicação USB com uma porta micro-USB. Possui 24 pinos ao todo, sendo que esses são, em grande parte, multifuncionais, ou seja, um mesmo pino possui diferentes possibilidades de uso.

Arduino Pro Micro ao lado de duas barras de pinos
Arduino Pro Micro ao lado de duas barras de pinos


Ademais, é uma placa que chama a atenção por ser bem pequena comparada a outras do mercado, tais como o Arduino Uno e o próprio Arduino Leonardo, sendo assim, a Pro Micro é mais acessível também para o público em geral, principalmente, para aqueles que são interessados por hobby e estudo.

Confira uma imagem da placa com as funcionalidades de cada pino:

Imagem de um Arduino com uma legenda explicando a disposição da placas e as funcionalidades de cada pino
Arduino Pro Micro – Funcionalidades de cada pino


Com as I/O Digitais é possível articular altas e baixas tensões para trabalhar níveis lógicos altos e baixos. Já as entradas analógicas e saídas PWM possibilitam trabalhar com valores com maior amostragem, com resoluções de 1024 e 256 respectivamente.

Além disso, podemos utilizar interrupções externas e diversos protocolos de comunicação: UART(Serial), I2C e SPI.

Há ainda três pinos GNDs, um pino de Reset (basta passar nível lógico baixo nesse pino para resetar o programa utilizado na placa), o VCC permite a saídas e entrada de 5V, e o pino RAW permite ser alimentado com tensões de até 12V.

Para utilizar o Arduino Leonardo Pro Micro na Arduino IDE, basta selecionar a opção correspondente em Ferramentas > Placas > Arduino Leonardo. Essa placa é disponibilizada por padrão na IDE.

Configurações para utilizar o Arduino Leonardo Pro Micro na Arduino IDE
Configurações para utilizar o Arduino Leonardo Pro Micro na Arduino IDE

Leonardo Pro Micro e Leonardo R3

Se você está pesquisando sobre placas ou já conhece alguma coisa do mundo da eletrônica, provavelmente conhece o Arduino Leonardo R3.

Se nunca ouvir falar, confira esse artigo da FILIPEFLOP. Essa placa é muito semelhante ao Arduino Uno, principalmente na sua forma.

Dessa forma, você pode se perguntar, qual placa pode ser mais vantajosa para os seus projetos entre o Arduino Leonardo Pro Micro e o Leonardo R3. Para responder isso podemos elencar algumas semelhanças e diferenças.

Sendo assim, uma das características mais marcantes do Arduino Leonardo Pro Micro, assim como o Arduino Leonardo R3, é que o chip de comunicação USB já vem embutido no microcontrolador ATmega32u4, eliminando a necessidade de um chip controlador separadamente.

Isso também faz com que o Arduino Leonardo possa ser configurado, no computador, como um dispositivo de entrada, como um mouse ou um teclado.

Além disso, ambas as placas possuem pinos para UART, SPI, I2C, interrupções externas e outras funções.

Agora quanto as suas diferenças, o R3 tem a vantagem de ter mais pinos disponíveis do que o Pro Micro, e apresenta também a possibilidade de usos de shields, encaixes sobre placas que adicionam diversas qualidades, como o shield multifunções com sensores e o shield multifunções intermediárias que adicionam vários componentes periféricos de forma bem compacta e prática.

Em contrapartida, o Pro Micro, em média, tende a ser mais barato, visto que é uma placa muito menor que a R3, o que pode ser inclusive considerada uma vantagem já que é capaz de caber em arranjos físicos eletrônicos que possuem pouco espaço. 

Portanto, depende muito dos seus objetivos com as placas, mas ambas são dispositivos super completos e funcionais. 

Projeto com Arduino

Assim como foi dito, uma das características do Arduino Leonardo Pro Micro, assim como o Arduino Leonardo R3, é que o chip de comunicação USB já vem embutido no microcontrolador ATmega32u4, eliminando a necessidade de um chip controlador separadamente.

Isso também faz com que o Arduino Leonardo possa ser configurado, no computador, como um dispositivo de entrada, como um mouse ou um teclado.

No post sobre o Arduino Leonardo que citamos anteriormente há uma exposição sobre como utilizá-lo como um teclado.

Aqui, iremos fazer um projeto semelhante fazendo da placa um teclado, mas iremos fazer um apresentador de slides, ou seja, vamos interagir com um botão para mudar de slides em uma apresentação.

Primeiro, é necessário soldar as barras de pinos do Pro Micro, se tiver disponível uma protoboard, faça uso dela para auxiliar no processo.

Faça a soldagem de modo que a maior parte dos pinos fique para baixo e sem solda.

Mão soldando as barras de pino do Arduino Pro Micro
Solde as barras de pino do Arduino Pro Micro

Feito isso, podemos colocar o Leonardo na Protoboard junto aos botões. As conexões ficarão assim:

Conexões dos botões do Arduino
Conexões dos botões do Arduino Pro Micro

Agora, temos o seguinte código o qual iremos exportar para a placa.

// Biblioteca KeyBoard.
// https://www.arduino.cc/reference/en/language/functions/usb/keyboard/
#include <Keyboard.h>

// Declaração das variáveis correspondentes aos pinos
// utilizados para conectar os botões.
const int pinoBotaoProximo = 2;
const int pinoBotaoAnterior = 3;

void setup() {
  // Configurando os pinos dos botões como entradas.
  pinMode(pinoBotaoProximo, INPUT_PULLUP); 
  pinMode(pinoBotaoAnterior, INPUT_PULLUP);
  
  // Inicializando a biblioteca Keyboard.
  Keyboard.begin();
}

void loop() {
  // Verificando leitura de tensão baixa no pino do botão
  // que acontece quando o botão é pressionado.
  if(digitalRead(pinoBotaoProximo) == LOW){
    // A função write escreve o decimal 215,
    // é semelhante a clicar a flecha da direita no teclado.
    Keyboard.write(215);
    // Delay para evitar que vários 'writes' sejam
    // enviados de uma vez só.
    delay(200);
  }
  else if(digitalRead(pinoBotaoAnterior) == LOW){
    // A função write escreve o decimal 216,
    // é semelhante a clicar a flecha da esquerda no teclado.
    Keyboard.write(216);
    // Delay para evitar que vários 'writes' sejam
    // enviados de uma vez só.
    delay(200);
  }
}

Copie e cole-o na IDE, selecione a porta o qual você conectou o seu Arduino, e carregue o código.

Basicamente, estamos utilizando a biblioteca Keyboard para enviar um caractere para o computador, sempre que cada um dos botões for pressionado, que são verificados pelo ‘ifs’ no código.

Então, quando você estiver fazendo uma apresentação de slides, pode mudar entre as páginas com seu apresentador.

Teste Arduino Pro Micro funcionando como um controle remoto
Arduino Pro Micro funcionando como controle remoto

Gostou, maker? Se achou que a placa Arduino Leonardo Pro Micro pode funcionar bem para os seus projetos, adquira ela aqui com a FilipeFlop. 

Além disso, comenta aqui embaixo o que tu achou do artigo, e caso tenha ficado com alguma dúvida, escreva ali também que alguém do time FilipeFlop irá te responder assim que possível.

Faça seu comentário

Acesse sua conta e participe