Como gravar via ICSP no Gravador de PIC K150 19

Você já deve ter visto, no gravador de PIC K150, um conector branco com 6 pinos, ao lado do soquete ZIF. Esse é o conector ICSP, mas para que ele serve ?

Detalhe conector ICSP

Muitas vezes precisamos reprogramar o PIC na própria placa de desenvolvimento, em casos por exemplo onde o microcontrolador não está em um soquete, e sim soldado na placa. Nesses casos, é mais prático usar a programação via ICSP (In Circuit Serial Programming), conectando o cabo do gravador ao conector ICSP presente na placa onde o PIC está instalado.

Exemplo placa conector ICSP

Isso também pode ser feito para gravar um PIC encaixado na protoboard, caso o soquete ZIF do gravador apresente algum tipo de problema, ou até mesmo se você quiser conferir se o seu gravador está funcionando corretamente.

No caso da gravação de um PIC16F628A, por exempo, você terá uma conexão como essa:

Ligacao K150 e PIC 16F628A

Conexões ICSP

A gravação de um PIC utiliza 5 conexões:

  • VPP – Voltagem para que o PIC entre em modo de programação
  • VCC – Alimentação
  • GND – Ground/Terra
  • PGD – Pino Data
  • PGC – Pino Clock

São esses pinos que estão presentes no conector ICSP do gravador, no nosso caso, o K150 (o sexto pino não é utilizado). Para gravar um PIC utilizando ICSP, precisamos associar estas conexões com os pinos correspondentes no microcontrolador.

Conectando o PIC utilizando ICSP

Vamos mostrar a conexão via ICSP utilizando dois PIC´s muito comuns, o 16F628A, de 18 pinos, e o 16F877A, de 40 pinos.

Na imagem abaixo, temos a disposição dos pinos Vpp, Vcc, GND, PGD e PGC nos dois microcontroladores:

Pinagem ICSP 16F628A e 16F877A

Associando os pinos do conector ICSP aos pinos do 16F628A, a ligação fica assim:

Circuito 16F628ANo caso do 16F877A, temos o seguinte esquema de ligação:

Circuito 16F877ANos nossos testes, realizamos a gravação normalmente sem realizar alterações no programa microBrn, mas caso seja necessário, entre no microBrn e escolha a opção ICSP Mode no menu Options.

MicroBrn ICSP mode

Gostou ? Ajude-nos a melhorar o blog atribuindo uma nota a este tutorial (estrelas no final do artigo), comente e visite nossa loja FILIPEFLOP !

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 Comentários

  1. Ótima matéria!

  2. Dica muito boa
    Deve-se prestar muita atenção no pino VPP se você tiver conectado ele a um resistor 420K e 5V entre o resistor e 0 VPP colocar um Botão de reset você deve tomar cuidado pois nesta configuração ele não grava o pic deve-se desconectar os 5V e aplicar GND e beleza funciona perfeitamente a gravação

    1. Obrigado pela dica, Daniel !

      Abraço

      Adilson – Equipe FILIPEFLOP

  3. Olá Adilson, ou outro da equipe….
    No texto foi escrito “Nos nossos testes, realizamos a gravação normalmente sem realizar alterações no programa microBrn,”. Quer dizer que a gravação no PIC via os fios de ICSP funcionou sem alterar para este modo no programa do K-150? Se não foi isso, o que quiseram dizer?

    1. Bom dia Marcus,

      Sim, funcionou sem alterações, mas existe a opção de selecionar ICSP Mode, caso não funcione.

      Abraço

      Adilson – Equipe FILIPEFLOP

  4. Este gravador funciona para o PIC16LC77?
    É possível também realizar um upload do programa já gravado no microcontrolador e regravar em outro chip?

    Obrigado!

    1. Bom dia Nuno,

      Este PIC não está na lista de microcontroladores suportados: https://www.filipeflop.com/pd-6b88f-gravador-de-pic-usb-40zif.html

      Quanto à copiar o programa, o MicroBrn possui a função de ler o programa gravado no microcontrolador, e depois salvar esse programa para uso posterior.

      Abraço!

      Adilson – Equipe FILIPEFLOP

  5. Parabéns pelo Blog!

    1. Valeu Nuno !

      A Equipe FILIPEFLOP agradece. 🙂

      Abraço!

  6. ótimo que venha mais.
    tenho duvida no meu gravador de PIC é o PICKIT 2 se poder me dar uma ajuda agradeço.

  7. pra que servo o 6o pino da saida do pickit?

    1. Boa tarde Bruno,

      É um pino auxiliar, geralmente não utilizado. Maiores informações você encontra neste link: http://www.microchip.com/forums/m307898.aspx

      Abraço!

      Adilson – Equipe FILIPEFLOP

  8. Esse gravador é com compatível com a linguagem C ,C++. Pretendo utilizar o MPLAB IDE v8.92 para desenvolver o programa e o PIC16F877A.

    Victor Barroso Silva
  9. Estou com dúvida se ele é compatível com o IDE e a linguagem.

    Victor Barroso Silva
  10. Em primeiro lugar, parabéns pelo site e pelos tutoriais, sempre venho aqui olhar e já me ajudou muito!
    Em segundo, gostaria de saber se gravar o PIC dessa forma (ICSP) ou através do ZIF no K150 tem como habilitar o pino RB3 para I/O. Eu tentei das duas formas e ele deve ter ficado na função PGM pois não acendia LED´s e coisas assim. Tem como habilitar esse pino com o K150?

    Obrigado!

  11. Consigo programar o 18f 2550 dese modo ?

    Guilherme de Souza Sanchez
  12. Obrigado! Na verdade, para mim, esta se tornou a única forma de usar o K150, pois não funciona mais no modo USB. Nem no Windows 7, nem no 8.1 nem no 10, nem modo compatibilidade, drive mais antigo, nada..

  13. Muito bom legal, gosto de sucata , encontrei vários PIC 16f716, tenho um PIC kit 2, preciso saber quais os pinos no 16f716 que faço a gravação?

    Antonio Nilton de Matos
  14. Olá Adilson, gostaria de saber qual cristal usar para que eu possa fazer um temporizador do PIC16F628A contar exatos 6o segundos. Grato, Edgard Filho.

    Edgard de Freitas Filho