Imagem-BANNER-DESTAQUE-BLOG- quarta da impressão 3d

Impressora 3D fechada ou aberta? Qual devo escolher? 2

Hoje falaremos sobre um dos assuntos que mais geram dúvidas na cabeça de quem está começando no universo da impressão 3D: Escolher uma impressora 3D aberta ou fechada? Qual é o mais indicado para você? Quais são as principais diferenças? Isso tudo você confere aqui neste post!

impressora 3d aberta ou fechada?

 Vamos lá?

IMPRESSORAS 3D ABERTAS

Impressoras 3D de estrutura aberta são as mais clássicas. São equipamentos de entrada, principalmente pela sua simplicidade, baixo custo de construção, manutenção e desenvolvimento o que não desmerece em nada a qualidade dos trabalhos ali executados, principalmente se um usuário experiente estiver no comando do equipamento! 

impressora 3d aberta

VANTAGENS:

Você vai poder aprender MUITO!
Veja exatamente cada peça da impressora 3D em funcionamento, sinta o cheiro do material se fundindo e veja os eixos se movendo sem nenhum impedimento. Não existe aprendizado melhor do que uma vivência como essa! 

Manutenção facilitada
Com uma estrutura aberta, o acesso aos componentes mecânicos e eletrônicos é direto, facilitando a visualização de defeitos e problemas que possam vir a causar danos que requeiram ação imediata. 

Facilidade no transporte
Máquinas de estrutura aberta são mais leves e permitem o transporte de maneira mais tranquila entre curtas distâncias. Para viagens a desmontagem não é necessária mas requerer uma embalagem bem feita com plástico bolha ou boias plásticas de ar. 

Boa relação custo-benefício
Os equipamentos de estrutura aberta costumam ter preços mais acessíveis sem deixarem de lado a qualidade de construção.

Conheça alguns modelos de impressora 3D abertas:

DESVANTAGENS:

Maior curva de aprendizado para a impressão de materiais sensíveis  a variação térmica
Alguns materiais são extremamente sensíveis a variações térmicas tais como o Tritan, o Abs (MG22 e MG 94) e o Peek. Essa sensibilidade pode gerar efeitos indesejáveis  como rachaduras, retrações e até mesmo a deformação completa da peça.

Porém, utilizando os artifícios corretos, como por exemplo a parede de sacrifício (imagem abaixo), podemos resolver esse problema sem gerar dor de cabeça. 

A parede de sacrifício em volta da peça evita que o ar frio atinja a peça formando as indesejáveis rachaduras e warps

Equipamento mais vulnerável a ação do tempo

Em uma máquina aberta, é natural que detritos indesejáveis tais como poeira, maresia e outras ameaças vindas do ambiente possam danificar o equipamento causando prejuízos a vida útil do mesmo a médio-longo prazo. Por isso, não deixe de manter seu equipamento sempre limpo e em lugar protegido da ação do tempo. 

Maior dificuldade de organização do cabeamento
Em alguns projetos de kits para montar, principalmente os de baixo custo, os fabricantes não costumam incluir itens para manter a eletrônica bem organizada e livre de problemas, cabendo ao novo dono tomar as devidas providências! 

Maior frequência na manutenção preventiva
Com a ação do tempo e a estrutura vulnerável, é perfeitamente natural que o espaço entre as manutenções exija intervalos menores! Geralmente a cada 30 horas de operação, após impressões longas ou ainda a cada 6 dias (sempre o que ocorrer primeiro) é necessário executar uma limpeza e uma verificação por folgas e outros problemas visuais. 

Dica: não deixe de consultar a documentação do seu equipamento para realizar a manutenção na periodicidade adequada! 

IMPRESSORAS 3D FECHADAS

Um pouco mais caras e de estrutura um pouco mais robusta do que as abertas, as máquinas fechadas são geralmente utilizadas para aplicações de alta disponibilidade em empresas que têm alto volume de prototipagem ou aplicações que utilizem materiais extremamente sensíveis a variação térmica e acomodação de filamento no equipamento por longos períodos de tempo. 

impressora 3D fechada

VANTAGENS:

Excelentes para projetos que envolvem materiais sensíveis a retração

Peek (Polyether Ether Ketone ou em português “Poliéter éter cetona”) é um termoplástico semicristalino de alta performance para altas temperaturas utilizado principalmente em aplicações industriais sendo muito mais sensível a variações térmicas do que o ABS. Esse material realmente necessita uma máquina com fechamento total da área de impressão para evitar a perda do material que neste caso não é nem um pouco barato (o quilo do Peek pode custar até R$ 1600,00 fora impostos).

Robustez garantida
Na maioria dos casos, essas máquinas, principalmente as mais modernas, possuem estrutura feita de alumínio ou aço, acondicionando a eletrônica de maneira organizada e segura bem como a área de impressão e até mesmo o filamento em um habitáculo seguro livre da ação do mundo exterior. 

Maior estabilidade para impressão
Com menos vibração teremos sempre peças mais precisas o que é ideal para peças mecânicas e até mesmo finas para decoração e dioramas. 

Maior intervalo entre as manutenções
Devido a estrutura fortificada podemos fazer a inspeção com um espaçamento de tempo maior, e a limpeza da parte interna pode ser feita a cada 80 horas de impressão ou até mais, dependendo do modelo da impressora 3D. 

DESVANTAGENS:

Acesso mais difícil para manutenção 

Com a estrutura fechada, muitas vezes a manutenção de alguns itens se torna mais difícil já que o espaço para se trabalhar é menor. Muitas vezes isso obriga a desmontagem parcial com a retirada de painéis de acesso aumentando a complexidade do serviço.

Manutenção mais cara
Dada a dificuldade no acesso de certos componentes, além do preço de alguns itens ser bem mais elevado do que os vistos nas de estrutura aberta tornam a manutenção mais custosa 

Aumento do peso para transporte
Com uma estrutura mais pesada e sem muitos pontos de apoio o transporte mesmo em curtas distâncias com toda certeza fica bem mais complicado, principalmente para máquinas grandes. 

Preço mais elevado
Muitas vezes essas máquinas acabam por custar mais do que elas realmente valem só por causa da estrutura não sendo sempre o melhor custo benefício. 

IMPRESSORA 3D ABERTA OU FECHADA. QUAL DEVO ESCOLHER?

Se você está começando, quer uma máquina que vai acelerar a sua curva de aprendizado e ainda por cima entregar bons resultados com os principais filamentos do mercado para hobbistas e entusiastas, e prototipagem com materiais de baixa a média sensibilidade a variações térmicas? Então as máquinas com estrutura aberta são uma ótima opção para você! 

impressor 3d aberta

Agora se você precisa trabalhar com materiais sensíveis a variação térmica, que precisem de altíssima precisão e ainda por cima deseja um alto desempenho proporcionado pelo enclausuramento e proteção do filamento em uso contra umidade e fatores externos e não está tão preocupado com a etiqueta de preço, então as máquinas de estrutura fechada são a melhor pedida para as suas necessidades! 

impressora 3D fechada

Gostaram de conhecer as diferenças entre essas diferentes filosofias de impressoras 3D? Fiquem atentos, pois toda quarta feira teremos um assunto para guiar vocês nesta incrível jornada rumo a dominar a impressão 3D! 

Deixe seu comentário abaixo contanto qual dos modelos você escolheria: impressora 3D aberta ou fechada? Para mais conteúdos sobre impressão 3D, acesse o nosso blog.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 Comentários

  1. Bom dia
    Show de bola essa matéria, estou começando na área de impressão 3d e muito interessado em aprender.

    1. José,

      Que bom que curtiu!!

      Abraços!
      Diogo – Equipe FilipeFlop