Primeiros passos com Python na Raspberry Pi Pico 3

Agora que já conhecemos melhor a Raspberry Pi Pico e aprendemos a programar a placa utilizando o VS Code no Windows, está na aprender a dar os primeiros passos com uma das linguagens de programação mais queridinhas do momento, o Python.

Primeiros passos com Python na Raspberry Pi Pico

Além da Raspberry Pi Pico contar com o microcontrolador RP2040 – o qual possui dois núcleos ARM Cortex-M0+ com um clock de até 133 MHz – memória RAM de 256 KB e memória Flash de 2 MB, ela aceita duas linguagens de programação: Python e C/C++!

Por isso, neste post vamos mostrar para você como dar os primeiros passos com o Python na Raspberry Pi Pico, tudo isso rodando no Raspberry Pi OS (antigo Raspbian) ou em um computador com Windows.

Material Necessário

Vamos utilizar o mesmo circuito pisca LED para ilustrar os códigos Python e C++ que iremos construir a seguir. Para isso vamos precisar dos seguintes componentes:

Além disso, caso deseje realizar o passo-a-passo no Raspberry Pi OS, você também vai precisar de:

Se você ainda não instalou o Raspberry Pi OS no cartão de memória da sua placa, recomendo que siga o tutorial “Primeiros Passos com Raspberry Pi e Linux”.

Circuito

Para testar o código em Python vamos usar o mesmo circuito abaixo:

Primeiros passos com Python na Raspberry Pi Pico

Instalando o MicroPython na Raspberry Pi Pico

1. Faça o download do arquivo UF2 MicroPython;

2. Segure o botão BOOTSEL da Raspberry Pico e conecte-a na porta USB da Raspberry Pi 4 utilizando um cabo micro USB;

3. Solte o botão BOOTSEL. Uma unidade de armazenamento chamada RPI-RP2 será criada;

Primeiros passos com Python na Raspberry Pi Pico

4. Arraste para a unidade de armazenamento recém criada o arquivo UF2 MicroPython;

Primeiros passos com Python na Raspberry Pi Pico

5. Pronto! A Raspberry Pi Pico irá reiniciar e assim o MicroPython estará instalado na sua placa.

Programa Pisca LED em Python

Agora precisamos criar o primeiro programa em Python para a Raspberry Pi Pico.

6. Conecte a Raspberry Pi Pico em uma das portas USB da Raspberry Pi;

Primeiros passos com Python na Raspberry Pi Pico

7. Abra a IDE Thonny;

8. No canto inferior direito selecione o interpretador MicroPython (Raspberry Pi Pico);

Primeiros passos com Python na Raspberry Pi Pico

Copie e cole na IDE Thonny o código abaixo. O código é responsável por acender e apagar o LED conectado a GPIO 16 a cada 0,5 segundos;

import machine
import utime

led_pin = machine.Pin(16, machine.Pin.OUT)

while True:
	led_pin.value(1)
	utime.sleep(0.5)
	led_pin.value(0)
	utime.sleep(0.5)

10. Clique em Run. Depois escolha Raspberry Pi Pico para salvar o código na placa;

Primeiros passos com Python na Raspberry Pi Pico

11. Dê um nome para o arquivo e clique em Ok. Feito isso o LED começará a piscar.

Primeiros passos com Python na Raspberry Pi Pico

E então, gostou de aprender a dar os primeiros passos com Python na Raspberry Pi Pico? Deixe um comentário aqui abaixo dizendo qual projeto você irá desenvolver utilizando a Raspberry Pi Pico 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 Comentários

  1. Uma observação para aqueles que desenvolvem no Windows! Tive problemas com a transferência de arquivos python do Windows para a raspberry pico (pelo raspberry OS funcionou sem problemas), pelo que entendi é um bug do software de transferência com o caminho de pastas do Windows. Para transferir arquivos via Windows use o pacote rshell (pip install rshell) e ao especificar o arquivo a ser transferido use o caminho unix com barra “/” ao invés do caminho Windows com barra invertida “\”. Caso o arquivo esteja na mesma pasta que o rshell estiver apontando use “./arquivo.py” para referencia-lo, caso contrário o software congela e você precisará reiniciar a raspberry pi pico.

    1. Update: parece que esse erro ocorre apenas na versão 3.9 do python, se tiver instalado o python 3.7 a transferência deve ocorrer sem problemas (É possível ter várias versões do python instaladas ao mesmo tempo).

      1. Olá Matheus,

        Obrigada pela contribuição!

        Abraço!
        Rosana – Equipe FilipeFlop