Robótica

Adora robótica? Está desenvolvendo um robô? Aqui você encontra diversos componentes que vão completar sua ideia. Temos kits, partes e servos. Tudo preparado para que você construa seu robô com verdadeira qualidade, sem complicações! Descubra novos produtos com preços imperdíveis. Tenha a garantia de funcionamento e suporte técnico para que tudo saia perfeito!

Mostrando 1–16 de 27 resultados

O que é robótica?

A robótica é uma área de pesquisa interdisciplinar entre ciência da computação e engenharia. Ela envolve o design, construção, operação, e o uso de robôs. O principal objetivo da robótica é desenvolver máquinas inteligentes que possam ajudar os humanos em seus afazeres diários e que mantenha todos em segurança ao fazê-lo. A Robótica pega emprestado de diversas áreas mais específicas, a fim de desenvolver robôs competentes. Algumas dessas áreas são: engenharia da informação, engenharia computacional, engenharia mecânica, e engenharia eletrônica.

A Robótica, portanto, busca desenvolver máquinas que possam substituir os humanos e replicar suas ações. Robôs podem ser usados em diversas situações e para muitos propósitos, mas hoje muitos são utilizados em locais perigosos (incluindo a inspeção de materiais radioativos, detecção e desativação de armamento explosivo), processos de fabricação, ou em locais onde humanos não podem sobreviver (como no espaço, lugares submersos muito profundos, alta temperatura, ou radioatividade alta demais).

Robôs:

Os Robôs podem possuir diversas formas, mas a grande maioria é construída para se assemelhar a uma aparência humana. Isso é feito para ajudar a aceitação de robôs em situações em que eles precisam replicar certos comportamentos de características geralmente feitos por pessoas. Tais robôs tentam replicar o caminhar, levantamento de pesos, fala, cognição, ou qualquer outra atividade humana. Muitos robôs hoje são inspirados pela natureza, assim contribuindo para a robótica bio-inspirada.

Principais peças de um robô:

Os robôs são compostos pelos mais diversos componentes. Obviamente, quanto mais complexo for a sua função, mais componentes devem ser utilizados de forma conjunta para criar movimentos e comportamentos planejados.

Algumas das peças principais de um robô são:

Fonte de energia: É o que mantém o robô ligado e funcionando. Geralmente se utilizam tipos variados de baterias, e quanto mais eficiente a mesma (e o robô) for, melhor para o funcionamento do projeto.

Atuadores: Em sua maior parte são motores elétricos (motores CC, servo motor, etc) que giram uma roda ou engrenagem. Esses atuadores agem como se fossem os músculos de um projeto de robótica, gerando os movimentos.

Atuadores lineares: Em vez de se utilizar um movimento rotatório, os atuadores lineares se aproveitam de um movimento “entra-sai”, e geralmente possuem uma velocidade maior na troca de direção.

Sensores: Sensores permitem que os robôs possam receber informações sobre certas medidas do ambiente ou de componentes internos. Isso é essencial para robôs que executam suas tarefas, e agem de acordo com qualquer mudança relacionada ao ambiente para calcular a resposta apropriada. Eles são usados para diversas formas de medidas, para dar aos robôs avisos sobre a segurança ou mal funcionamento, e para providenciar informação em tempo real do que ele está fazendo.

Robótica educacional:

Com a popularização da robótica, muitas escolas estão dando atenção a essa área e, portanto, é possível encontrar em muitos lugares a robótica educacional, onde se utiliza da robótica para ensinar.

Na sua grande parte, tais métodos usufruem de kits de robótica, que são simples de montar e pode-se entender conceitos básicos de forma didática e intuitiva. Os kits de robótica possuem motores, sensores, e algumas vezes placas de controle para que a pessoa possa montar um simples robô.