Movimento e Proximidade

Conheça a nossa seleção de sensores de movimento e proximidade. Temos sensor indutivo, sensores de movimento PIR, até os queridinhos sensores ultrassônicos! Tudo para montar seu sistema de vigilância ou de análise de ambiente, a fim de verificar a presença ou movimento de pessoas, animais e até mesmo veículos! Confira!

Mostrando 1–16 de 28 resultados

Sensores de movimento, o que são?

Sensores de movimento são dispositivos que, ao perceberem qualquer movimento na área em que estiver direcionado (seja através de infravermelho ou microondas) enviará um sinal para onde o usuário desejar.

Tipos de sensores de movimento:

Esses sensores são divididos muitas vezes em sensores PIR (Passive Infrared, ou Infravermelho passivo) e sensores de movimento por microondas. A diferença entre eles é apenas a forma em que detectam o movimento, e um é melhor que o outro em diferentes situações e ambientes. Ambos são tecnologias muito interessantes, mas existem coisas que você deve considerar quando escolher um.

Sensores PIR (Sensor Infravermelho Passivo):

Sensores de movimento PIR usam um sensor de luz infravermelha para detectar o movimento de pessoas ou objetos. Eles identificam a assinatura de calor de corpos quentes, como em humanos ou animais que são mais quentes que o ambiente ao seu redor.

Sensores PIR são bons em detectar grandes movimentos de calor, como os de uma pessoa ou veículo se movendo no seu campo de visão. Eles são menos propícios em identificar mudanças na assinatura de calor causada por movimentos pequenos como galhos de árvore se movendo ou um vento quente; sendo assim, eles são menos passíveis a efeitos de ruídos. Portanto, os sensores infravermelhos passivos são ótimas escolhas para se usar em ambientes externos.

Posicionamento adequado é vital para os sensores PIR funcionarem bem. Eles são bastante efetivos quando instalados em corredores, ruas ou outras áreas mais definidas onde pessoas ou veículos vão se mover. É importante lembrar que sensores PIR não detectam movimento através de paredes ou vidros. Se um sensor PIR é instalado em um local com luz solar direta ou uma ventilação de ar quente, isso pode impedir que o sensor funcione adequadamente. Então, lembre-se de instalá-los em locais em que possam funcionar bem.

Sensores de movimento por microondas:

Os sensores de movimento por microondas são sensores que emitem microondas em intervalos constantes, e quando um movimento ocorre em seu campo de visão, as distorções nas microondas que retornam ao sensor causam ele a disparar. Isso significa que os sensores de microondas são muito melhores em detectar movimentos muito pequenos, fazendo com que eles sejam ideais para o uso dentro de residências como “sensores de ocupação”: quando é necessário detectar pequenos movimentos por humanos.

Esses sensores podem ser boas opções para instalações em por exemplo:

Banheiros públicos, para detectar pequenos movimentos de pessoas dentro dos cubículos (evitando a situação constrangedora de ficar balançando as mãos para acionar o sensor)

Em escritórios, onde pessoas podem ficar muito tempo paradas.

Sensores de Proximidade:

Esses sensores são utilizados para calcular distâncias ou verificar se tem algo chegando muito próximo. Às vezes, podem ser utilizados como sensor de presença com Arduino. O sensor de proximidade mais conhecido e utilizado é o sensor ultrassônico SR-04. Com esse sensor ultrassônico, é possível identificar e informar a que distância determinados objetos estão em relação ao seu campo de visão. Assim, projetos com Arduino em que se necessita um controle de distância tornam-se mais práticos.