Sensores

Sensores

Conheça os diversos sensores disponíveis no mercado! São muitos sensores de Arduino, Raspberry e mais! Adicione a possibilidade de medir tensões e correntes; ou ainda, utilize um sensor de temperatura para medir a temperatura de um local; se quiser, é possível usar um detector de cor para separar peças por cores! Venha conferir.

Mostrando 97–112 de 141 resultados

O que são sensores?

Sensores são dispositivos que respondem a um estímulo físico ou químico (como temperatura, umidade ou luminosidade) de uma maneira específica e que assim pode ser transformado em uma outra grandeza física para fins de medição e/ou monitoramento. Existem diversos modelos de sensores, desde sensores de movimento, sensores infravermelhos, sensor de temperatura e muito mais.

Para exemplificar, tomemos como exemplo um sensor de temperatura. Esse dispositivo irá reagir à variação de temperatura no ambiente, e a partir disso, transformar essa variação em sinal analógico/digital (tensão geralmente). Com isso, há a transformação de um efeito químico/físico em um sinal elétrico (tensão ou corrente elétrica).

Aplicações de sensores:

Os sensores são amplamente utilizados na medicina, agricultura, robótica e indústria, como meio de dar informações de processos biológicos, físicos ou químicos, em substituição da capacidade humana (nesse caso os sentidos humanos). Além disso, por utilizarmos sensores, podemos ter um apoio no monitoramento e controle desses processos. Outra opção é utilizar sensores em placas como Arduinos. Neste caso, existem tipos de sensores para Arduino especificamente.

Sensor e transdutor: qual a diferença?

É bastante importante entender que ambos são coisas diferentes. Algumas pessoas consideram como sendo o mesmo dispositivo. No entanto, um sensor é o dispositivo que vai receber o estímulo (físico, químico, biológico), enquanto o transdutor é o responsável por transformar esse estímulo, relacionado a uma energia, em outro tipo de energia (no caso ele é o que transforma para impulsos elétricos, por exemplo).

Sensores e seus transdutores:

Para entender melhor o conceito e as diferenças entre sensores e transdutores podes demonstrar quem é quem em relação aos componentes e dispositivos.

Alguns exemplos são:

– Sensores de movimento: o transdutor para esse tipo de sensor pode ser um velocímetro, um tacômetro, até mesmo um hodômetro.

– Sensores de temperatura: para este tipo, termômetros (inclusive os que são sensores infravermelhos), termopares, resistores sensíveis a temperatura (termistores).

– Sensores de vibração: acelerômetros são exemplos deste tipo de sensor.

Características dos Sensores:

Algumas das principais características dos sensores são:

Resolução:

Quando vamos comprar um sensor, existe uma propriedade que define a precisão de um sensor: a resolução. Essa propriedade é a responsável por indicar qual a menor mudança que o sensor pode detectar na quantidade em que o mesmo está medindo. A resolução de um sensor com uma saída digital é geralmente a resolução da própria saída digital. A resolução é relacionada com a precisão com que a medição é feita, mas elas não são a mesma coisa. A precisão de um sensor pode ser consideravelmente pior que sua resolução.

Um sensor pode, até certo ponto, ser sensível a propriedade além da que ele mede. Por exemplo, muitos sensores são influenciados pela temperatura do seu ambiente de trabalho.

Sensibilidade:

A sensibilidade de um sensor é definida como a relação ente o sinal de entrada físico e o sinal de saída elétrico. Ou seja, é a razão entre uma pequena variação no sinal elétrico para uma pequena variação em um sinal físico;

Precisão:

É o que define qual o maior valor de erro esperado entre o sinal de saída real e o sinal ideal. Um exemplo seria um sensor de temperatura cuja precisão é de 5%. Neste caso, o sensor é mais preciso do que outro cujo valor é de precisão igual a 10%.